FDRH-RS divulga os gabaritos preliminares do concurso do Magistério RS 2013

Publicado o Edital n.º 08/2013 no Diário oficial do Estado (págs. 35-39), da Secretaria de Educação do Estado do Rio Grande do Sul (SEDUC) com os gabaritos preliminares do concurso público do Magistério Estadual 2013, provas aplicadas no domingo, dia 19/5.

Veja o arquivo em PDF abaixo:

>>> Gabarito oficial preliminar – SEDUC-RS 2013 <<<

Mais tarde, a FDRH-RS deve publicar o Edital integral na página do concurso que pode ser acessado AQUI .

 

Anúncios

210 thoughts on “FDRH-RS divulga os gabaritos preliminares do concurso do Magistério RS 2013

  1. camila diz:

    Pessoal precisamos nos unir quanto aos recursos…sou da area 5.1 e acertei 13 na primeira parte e 31 na segunda..faltou 2 questoes…não posso acreditar….vejam a questão 12 (luria resposta correta não estava no cronograma do concurso ) e a 22 de legilslação…é um absurdo esta questão!!!!

    • Adriana diz:

      Oi colega! Também sou da area 5.1. Na primeira parte acertei 13 e na segunda 32. Achas que alguma das questoes será anulada? Realmente, Luria não fazia parte dos autores solicitados.

      • carlamarcela diz:

        tambem errei essas duas teriamos que receber uma prientação de como recorrer, as profs da minha cidade vao recorrer, quanto mais gente recorrer melhor, acertei 14 na primeira e 33 na segunda

      • camila diz:

        Candida e Adriana entao vamos ver tbm a 13 que eu acho ter duas respostas corretas e a 2 que eu acreditava ser a letra E correta,e eles postaram a letra d…..quando ja tiver montado o recurso lhe aviso ….precisamos nos juntar pra conseguirmos mudanças….

      • Mila diz:

        Sobre a questão 13 também acredito ter duas respostas corretas…Eu acabei marcando a D..Vou postar a questão aqui caso o professor possa nos dar um ajuda…

        13. Considerando os estudos de Vygotsky, é correto afirmar que:

        a) a aprendizagem está relacionada ao desenvolvimento desde o início da vida humana
        b) o percurso de desenvolvimento do ser humano é definido pelos processos de maturação do organismo individual
        c) é a ação motora que possibilita o despertar de processos internos de desenvolvimento
        d) as funções psicológicas superiores dependem de processos de consciência e de intenção
        e) o desenvolvimento é um processo espontâneo de maturação, e a aprendizagem acontece na interação entre o indivídu e o meio.

    • Patricia diz:

      Oi Camila, prof Ommar e demais da área 5.1!! Eu tbém estou desesperada, fiquei por 1 questão no mód I e também errei a nº 12 Luria a qual não estava na bibliografia e a questão 22 de Legislação, o que era aquela pergunta, totalmente descontextualizada nessa prova, acredito que a grande maioria dos candidatos tenha errado…o que podemos fazer? Estou desesperançosa pois ano passado não anularam nenhuma questão…

      • camila diz:

        eu tbm fiquei desanimada mas vamos pedir para o professor Omar nos ajudar. Eu vejo como possivel de recurso a 2 de portugues, 12( Luria não estava no cronograma) e 13 (mais que uma resposta correta) e a 22 de legislação .(que nemse fala no absurdo)..quanto mais recurso melhor….

      • Lu diz:

        Oi!

        Também fiquei por 1 no módulo I.

        Acho que a 12, 13, 16 e 22 seriam cabíveis de recurso.
        Para a 16 formulei um requerimento, pois a disponibilidade é citada por Paulo Freire na Pedagogia da Autonomia como uma das exigências para ensinar.

    • Marieli diz:

      Camila temos o mesmo caso, também acertei 31 e 13, também quero entrar com todos os recursos possíveis… me avise quanto a justificativa para os recursos… obrigada

      • camila diz:

        ok….Acho que a 12, 13, 16 e 22 seriam cabíveis de recurso.Vamos ver o que nos diz Prof . Omar, que domina muito bem os conhecimentos pedagogicos. Ja enviei um e-mail, para o Prof Giorgio que é especialista em direito administrativo para ver da questao 22.

        .

      • daniela diz:

        Pois é, achei a resposta da questão 14 mal formulada pq ficou ambígua. Piaget não dá tanta relevância às questões interpessoias quanto Vygostsky, e na questão ficou parecendo que as duas coisas estão no mesmo nível de importância ou num nível de igualdade para os dois estudiosos (tanto quanto – nexo de comparação)

      • Priscila diz:

        Se vc observar a questão 12 fala exatamente a mesma coisa que a número 14, porém a 14 é considerada errada. Ideias de Piaget e Vygostsky olhe a questão C.

    • Elizandra diz:

      vejam o recurso para a questão 22 que encontrei neste blog http://agoraead.wordpress.com/
      Exsurge-se a presente impugnação em face da questão de número ___, aplicada ao concurso para o provimento do cargo de professor, do Magistério Público estadual, a qual segue abaixo transcrita:
      “Assinale a alternativa que contém orgão público ou entidade que integra a Administração direta na organização administrativa do estado do Rio Grande do Sul.
      a) Detran
      b) Ipergs
      c) Banrisul
      d) Daer
      e) Policia Civil”
      O gabarito oficial apresentado pela banca avaliadora apresentou a letra E, como sendo a assertiva correta, no que não há qualquer contestação a respeito, eis que efetivamente não há reparo a ser feito quanto á correção da questão.
      O que se contesta é o fato de o conteúdo tema da questão acima transcrita não estar contemplado no conteúdo programático trazido pelo edital de abertura do concurso.
      Como se percebe a partir de uma análise acurada acerca da questão a que ora se impugna, diz ela respeito sobre assuntos afetos à Administração Pública e Organização Administrativa, bem como exige conhecimentos acerca do Decreto-lei n. 200, de 1967 e das leis instituidoras dos órgãos e entidades descritos nas suas assertivas.
      Nenhum desses conteúdos estava contemplado no edital de abertura do concurso, fazendo com que a questão esteja em dissonância com o regulamento do certame e a eivando, pois, de ilegalidade.
      Pela nulidade de questão aplicada em concurso público em casos como o que ora se apresenta, segue precedente jurisprudencial, oriundo do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, segundo o qual:
      APELAÇÕES CÍVEIS. CONCURSO PÚBLICO. AGENTE FISCAL DO TESOURO DO ESTADO. EDITAL 01/2006. PEDIDO DE ANULAÇÃO DE QUESTÕES CONSTANTES DA PROVA OBJETIVA. – Ao Poder Judiciário não compete apreciar os critérios utilizados pela Banca Examinadora na formulação de questões e julgamento de recursos, mas, apenas, verificar a legalidade do Edital e seu fiel cumprimento. – Ilegalidade na elaboração da questão de nº 69, porquanto totalmente dissonante das matérias previstas no Edital. – No que refere à questão de nº 68, cediço que a existência de interpretação razoável do enunciado não enseja sua anulação, por se tratar de matéria de mérito administrativo. Precedente. NEGARAM PROVIMENTO ÀS APELAÇÕES. (Apelação Cível Nº 70044847739, Terceira Câmara Cível, Tribunal de Justiça do RS, Relator: Matilde Chabar Maia, Julgado em 04/04/2013)
      Evidencia-se, então, a ilegalidade da questão ora impugnada, razão pela qual deve ela ser devidamente anulada, ainda em sede administrativa.
      Termos em que pede deferimento.

  2. Daniel diz:

    Fiquei por uma questão no módulo 1 na área de linguagens e suas tecnologias. Se alguém tiver ideia de alguma cabível de recurso. A número 18 é encontrada em qual bibliografia? E a 19 incluir tecnologia como recurso didático está errado? (muitas pegadinhas na prova de conhecimentos pedagógicos).

    • Moacir Peters diz:

      Meu nome é Moacir, fiz a prova para história, fiquei por uma questão no módulo 1 e fiquei muito mal com isso. Algumas questões realmente podem ser levadas a revisão. As questões 21 e 22, com base em que autores queriam a resposta? Complicado responder algo sem podermos nos basear em alguma conceituação. A questão 19 também muito estranha pois fala em cibernética mas não se pode incluir tecnologias como um recurso didático. Já enviei pedido de revisão das questões 21 e 22, espero ter sucesso, se conseguirem ajudar e também mandarem solicitações, seria muito bom.

    • Aline diz:

      Olá Daniel!
      Fiz curso preparatório no Vigor e lá eles me disseram que as questões 3,8 e 10 de Português cabem recurso e as questões 13 e 19 de conhecimentos pedagógicos também

  3. Robson Carlos diz:

    Acho que assim. Nós que ficamos por uma ou duas questões, deveríamos unir força e tentar anular a questão n° 3 e n°9, embasado nos seguintes argumentos. vou objetivar, claro que depois devemos embasar mais as justificativas.
    N° 3. A ALTERNATIVA ” C ” TAMBÉM NÃO ESTÁ DE ACORDO COM O TEXTO. VEJAM:
    ………………….ESTÁ RELACIONADO ÀS CONDIÇÕES ECONÔMICAS E DE “””ACESO””” À INFORMAÇÃO. COMO ASSIM, ACESO?? NO TEXTO NÃO FALA EM NENHUM MOMENTO EM ASCENDER A INFORMAÇÃO. PORQUE “”ACESO””” VEM DO VERBO ASCENDER, OU ELES QUERIAM DIZER “””ACESSO”””.É CLARO QUE ELES QUERIA DIZER “ACESSO”, MAS “ACESO” TIRA SENTIDO DA FRASE E CONSEQUENTEMENTE NÃO ESTÁ DE ACORDO COM TEXTO.

    N° 9. NA ALTERNATIVA D, COLOCADA COMO CORRETA. NA SEGUNDA LACUNA A SER PREENCHIDA POR UMA PALAVRA QUE TIVESSE O MESMO SENTIDO DE INDEFECTÍVEL, FOI ASSINALADA COMO “” NÃO FALTA””. PORÉM, PESQUISANDO SINÔNIMOS DE “INDEFECTÍVEL, ENCONTREI VÁRIAS RESPOSTA, DENTRE ELAS ” QUE NÃO FALHA”” E NÃO QUE “”NÃO FALTA””,O QUE CONCLUI QUE NÃO HÁ ALTERNATIVA CORRETA PARA A QUESTÃO. TAMBÉM PODE TER SIDO UM ERRO DE DIGITAÇÃO?? EM VEZ DE “”FALHA”” DIGITARAM “”FALTA””

    • Marcia diz:

      Realmente as questões do “aceso `informação” não pode estar correta. Além disso, considerar indefectível como “que não falta”? Que absurdo!!!
      Tenho outro questionamento: como a oração adjetiva “explicativa” não precisa estar separada por vírgula?
      Ajudem-me, por favor!

    • Márcia diz:

      Concordo plenamente com os seus comentários. “Aceso” e “acesso” são termos totalmente diferentes. Como pode está questão ser considerada correta? Não entendo mais nada……
      Em relação ao termo indefectível, pode-se entendê-lo como “que não falta”?
      Ainda vi nesse concurso que a oração adjetiva explicativa não precisa mais estar separada por vírgula. (acho que se esquecerem de mudar “a gramática” antes de realizar o concurso).
      Entrarei com recurso nas questões mencionadas e jamais aceitarei como correto o que está sendo confirmado no gabarito (nem que seja necessário entrar com uma ação judicial, pois não sou palhaça para aceitar isso).

    • Moacir Peters diz:

      Pois é na questão 9 deve ter tido um erro de digitação, pois falta e falha tem significados muito diferentes. Essa com certeza deve ser anulada pois os termos não fecham com o anunciado.

  4. Robson Carlos diz:

    Professor Omar!!
    Tem alguma questão de conhecimentos pedagógicos que possa ser contestada??
    O Sr: como um grande sábio, conhecedor de pedagogia discorda de alguma questão??a n° 21 por exemplo, não poderia ser a alternativa (A) também??
    Contamos com sua ajuda!!

    • Editor diz:

      Bom dia, Robson:
      Estou viajando e sem os recursos de busca da prova impressa.
      Peço a gentileza de transcrever todas as questões de Conhecimentos Pedagógicos para que possa analisar até amanhã.

      Um abraço.

      Prof. Omar Martins

    • daniela diz:

      O currículo é um documento que norteia o ensino que, por sua vez, é voltado também aos alunos. Concordo com a letra B ao pensar na definição de currículo.

      • eleci maria simões gonçalves diz:

        Eleci , Caros Colegas estou com os mesmas problemas e nas mesmas questões. Sou da área 5.1 Questões que são duras de “engolir” não pode ficar assim. Isso não prepara um professor para sala de aula, muito menos para melhorar a Educação. precisamos ser objetivos, práticos e coerentes.

    • daniela diz:

      Achei a 14 ambígua, pois Piaget não dá a mesma importância ou relevância que Vygotsky às relações interpessoais. O nexo “tanto quanto” nos confunde (comparação). Outra questão que nos induz ao erro é a 25: espaço x lugar. Quem não leu a obra do autor sobre o assunto não sabe que ele refere-se a LUGAR. Foram infelizes em escolher uma alternativa com um sinônimo, pois tratamos lugar e espaço como sinônimos em muitos contextos.

  5. Mila diz:

    Olá! Fiz para a area 5.1 e fiquei por uma questão no módulo 1. Achei a questão 16 (Paulo Freire) mal formulada pois todas as alternativas estão corretas. Alguém mais?

    • Juciane diz:

      Eu também fiquei por uma do primeiro módulo acredito que a questão 16 possa vir a ser anulada, pois a meu ver todas estão corretas.

      • Vinicius diz:

        Olá Daniela. Errado, a 16 é uma transcrição parcial, mas há um erro grave nesta transcrição que muda totalmente a interpretação da resposta, veja que no livro está escrito “implica tanto o esforço de reprodução da ideologia dominante quanto o seu desmascaramento”, enquanto na prova eles mudaram um pouco e trocaram o “o” depois da palavra “quanto” por “ou”, mudando completamente o sentido que o autor deu ao paragrafo. Isto é inaceitável, cabe recurso. Freire deve estar se revolvendo na cova ao ver isso…

      • Vinicius diz:

        Vou transcrever a questão 16 da área 1 a 4:

        16. Para Freire (2000), a educação é uma forma de intervenção no mundo. Essa intervenção implica, além dos conteúdos ensinados e aprendidos, o esforço de _________ da ideologia dominante quanto ao seu __________.
        Assinale a alternativa que completa correta e respectivamente as lacunas do texto acima.
        a) reprodução – conhecimento
        b) reprodução – desmascaramento
        c) apreensão – entendimento
        d) apreensão – desmascaramento
        e) apreensão – conhecimento

        Não querendo entrar no mérito da formulação das questões, mas convenhamos, tirar fragmentos de um livro, apagar palavras e solicitar que os candidatos digam quais palavras devem ser colocadas na lacuna, até meu peixe está apto a fazer. Isto é apenas uma demonstração pública de uma banca insegura e despreparada para formular uma questão “inteligente”, mas se tratando da FDRH não surpreende muito.

    • Editor diz:

      Boa tarde, Candida:
      Estou viajando e sem os recursos de busca da prova impressa.
      Peço a gentileza de transcrever todas as questões de Conhecimentos Pedagógicos para que possa analisar até amanhã.

      Um abraço.

      Prof. Omar Martins

    • Daniel diz:

      A 19 não consigo entender até agora, mas sabe como é a Fdrh, dificilmente anula alguma questão. Mas as questões 3, 9 , com ajuda do professor Omar, entrar com recurso.

  6. Mila diz:

    Professor Omar! Pode verificar se a questão 16 da área 5.1 cabe recurso?
    “São exigências de ensinar, destacadas por Freire (2000), todas as contidas nas alternativas abaixo, exceto:
    a) Pesquisa
    b) criticidade
    c) bom senso
    d) curiosidade
    e) disponibilidade”

    Na minha opinião todas as alternativas estão corretas, mas no gabarito a resposta foi E. Você acredita que pode-se entrar com recuso?

    • Editor diz:

      Boa tarde, Camila:
      Tudo bem?
      A questão está mal elaborada, fraca e imprecisa para dizer o mínimo, sendo que o item (E) estaria incorreto por estar “incompleto”, faltando “(…) para o diálogo”. Entretanto, vai depender da boa vontade da banca organizadora em reconhecer que poderia ocorrer dubiedade…

      Sinceramente, não sei…

      Mas acho que o recurso deve ser feito.

      Veja TODOS os imperativos freireanos descritos em “Pedagogia da Autonomia”:

      1. Não há docência sem discência:
      Ensinar exige rigorosidade metódica
      Ensinar exige pesquisa
      Ensinar exige respeito aos saberes dos educandos
      Ensinar exige criticidade
      Ensinar exige estética e ética
      Ensinar exige a corporeificação das palavras pelo exemplo
      Ensinar exige risco, aceitação do novo, e rejeição a qualquer forma de discriminação
      Ensinar exige reflexão crítica sobre a prática
      Ensinar exige o reconhecimento e a assunção da identidade cultural

      2. Ensinar não é transferir conhecimento:
      Ensinar exige consciência do inacabamento
      Ensinar exige o reconhecimento de ser condicionado
      Ensinar exige respeito da autonomia do ser do educando
      Ensinar exige bom senso
      Ensinar exige humildade, tolerância e luta em defesa dos educadores
      Ensinar exige apreensão da realidade
      Ensinar exige alegria e esperança
      Ensinar exige a convicção de que a mudança é possível
      Ensinar exige curiosidade

      3. Ensinar é uma especificidade humana:
      Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade
      Ensinar exige comprometimento
      Ensinar exige compreender que a educação é uma forma de intervenção no mundo
      Ensinar exige liberdade e autoridade
      Ensinar exige tomada consciente de decisões
      Ensinar exige saber escutar
      Ensinar exige reconhecer que a educação é ideológica
      Ensinar exige disponibilidade para o diálogo
      Ensinar exige querer bem os educando

      Grifei os imperativos utilizados na questão.

      Um abraço.

      Prof. Omar Martins

  7. DENI diz:

    Pessoal sou da área de química, alguém sabe me dizer como funciona, quantos acertos devo fazer em cada área para ser aprovada?Muito obrigada

  8. kika diz:

    Prof.a questão 22, no qual tem como resposta de que a POLICIA CIVIL é integra a administração do RS. Tinha na bibliografia do edital?Nao cabe recurso?

    • Andressa diz:

      Também não passei por uma no primeiro módulo, mas acredito que a questão 21 esta longe de ser do conhecimento de qualquer pessoa. Sou da 21 cordenadoria e nem mesmo eles sabiam qual era a resposta alguns acharam que fosse IPERGS ou BANRISUL.. Estou com esperanças de que algumas sejam anuladas.

  9. maria augusta odorizi canella diz:

    professor, sou da área 1, habilitação 1.8 ed. física.

    sei que sua área é de conhecimentos pedagógicos, porém essa quastão é sobre PCNs, quem sabe podes me ajudar,
    a questão 44, vou transcrevê-la aqui:
    “De acordo com as Orientações Currriculares para o Ensino Médio, os saberes propostos pela UNESCO para estruturar a educação contemporânea promovem a ideia de aprender a

    a)conhecer
    b)fazer
    c)viver
    d)ser
    e)aprender

    o gabarito considerou a resposta E como correta, porém acho que faltou um “NÃO” no enunciado da questão,pois os 4 pilares da educação são aprender a CONHECER, FAZER, VIVER e SER, vou enviar um site:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Quatro_Pilares_da_Educa%C3%A7%C3%A3o#Aprender_a_Conhecer

    obrigada pela atenção,
    Maria Augusta

    • Editor diz:

      Boa tarde, Maria:
      Com certeza.
      Mais um exemplo de questão mal elaborada.
      No recurso cite a página 8 do Parâmetros Curriculares Nacionais – Ensino Médio – Parte IV
      Ciências Humanas e suas Tecnologias disponível na página do MEC em http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/cienciah.pdf que diz:

      (…) Por sua vez, as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio, aprovadas pela Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação e homologadas pelo Ministério da Educação, asseguram a retomada e a atualização da educação humanista, quando prevêem uma organização escolar e curricular baseada em princípios estéticos, políticos e éticos.
      Ao fazê-lo, o documento reinterpreta os princípios propostos pela Comissão Internacional sobre Educação para o Século XXI, da UNESCO, amparados no aprender a conhecer, no aprender a fazer, no aprender a conviver e no aprender a ser. (…) (PCN-EM, parte IV, p. 8)

      Um abraço.

      Prof. Omar Martins

      • daniela diz:

        Li Jacques Delors e ele diz ” Aprender para conhecer supõe, antes de tudo, aprender a aprender, exercitando a atenção, a memória e o pensamento”

    • Janine diz:

      Maria Augusta, também percebi esse erro logo que li a questão, eles deveriam ter colocado qual NÃO era um dos saberes propostos pela UNESCO… você vai fazer o recurso?

  10. Uilian Maciel de Almeida diz:

    Peço a análise do Prof. Omar sobre a questão 19, da Prova de conhecimentos pedagógicos, para Educação Física. A questão segue abaixo na íntegra:

    19 – Macedo (2005) propõe um planejamento a partir de uma perspectiva cibernética (“cibérnética” está destacada em itálico) de regulação, que se caracteriza por determinados objetivos.
    Analise os citados abaixo.
    I – Incluir a tecnologia como um recurso pedagógico.
    II – Orientar o planejamento em uma perspectiva relacional ou interativa.
    III – Regular tanto o futuro quanto os demais tempos de forma dinâmica e viva.

    Quais estão corretos?

    a) Apenas o I.
    b) Apenas o III.
    c) Apenas o I e o III.
    d) Apenas II e o III.
    e) O I, o II e o III.

    Marquei a letra E e a resposta do gabarito é D.

    • Editor diz:

      Boa tarde, Uilian:
      Tudo bem?
      Segundo Lino de MACEDO (Ensaios Pedagógicos: como construir uma escola para todos. Artmed: Porto Alegre, 2005, p. 88):

      “(…) Cibernética é a arte da regulação, nos três tempos de sua expressão, quando as coisas são consideradas em sua perspectiva relacional ou interativa; portanto dinâmica e viva. O primeiro tempo refere-se ao passado e a tudo o que podemos corrigir ou aperfeiçoá-lo no presente. O segundo tempo é o próprio presente e a tudo o que podemos confirmar ou desfrutar, porque corresponde minimamente ao que se espera de sua função ou objetivo. O terceiro tempo é o futuro e o que podemos antecipá-lo, pré-corrigir. (…) Neste sentido, o planejamento é concebido como um projeto pedagógico.”

      Infelizmente, apesar de muito mal elaborado o item, gerando – na minha opinião – confusão, a inclusão da tecnologia como recurso não está elencada nos objetivos específicos trilhados pelo autor no que tange a regulação como planejamento.

      Um abraço.

      Espero ter ajudado.

      Prof. Omar Martins

      • Uilian Maciel de Almeida diz:

        Obrigado professor pela atenção e pronto atendimento!

        Grato.

        Uilian Maciel

      • Fabiane diz:

        MAS PROFESSOR, INTERATIVA E DINÂMICA, NÃO PODE SER INTERPRETADA COMO SE A OPÇÃO I TBM ESTIVESSE CERTA? E NA ATUALIDADE, É SÓ ISSO QUE SE FALA, COMO CONSIDERAR ERRADA UMA AFIRMATIVA DESSAS?

    • daniela diz:

      Também errei essa, mas foi problema de interpretação, pois sou leitora assídua de Macedo. O problema está no sentido de regulação que é acompanhar, interferir, ajustar, etc. Recurso didático é diferente de planejamento e avaliação (reguladores).

  11. Micheli Biondo diz:

    professor a pergunta nº 2 gerou incertezas….

    texto
    Institutos de pesquisa, entidades de classe e editoras até hoje não conseguiram aferir, mas, nos bastidores, todos sabem: professor não gosta de ler. Como toda nota vermelha no boletim, essa também chega com muitas justificativas e desculpas. As explicações vão desde a formação educacional até o preço dos livros, passando pela indefectível falta de tempo.
    O baixo poder aquisitivo é uma das explicações para o pequeno volume de leitura do professorado. Em estudo de 2001, divulgado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), 41% dos docentes afirmaram ler ao menos um livro por mês, 34% deles eventualmente lêem e 25% não responderam ou não costumam ler.

    Na sua opinião é verdadeira ou falsa esta afirmativa? sabendo que na pergunta número 9 aferir significa confirmar ou medir via pesquisa.

    ( ) Não se fizeram pesquisas ainda para avaliar o quanto os professores não apreciam ler, mas, embora não haja dados sobre isso, faz parte do senso comum dizer-se que o professor não gosta de ler.

    O texto não diz que não foi feita a pesquisa apenas não tem medidas e confirmações de dados que os professores não gostam de ler.

  12. Robson Carlos diz:

    Professor Omar!Olha estas!!!
    20- Numere a coluna da direita de acordo com a coluna da esquerda, associando as categorias elencadas por Macedo(2005) às suas implicações na realização de um projeto curricular em uma perspectiva construtivista.
    (1) Trabalhar em equipe ( ) Saber interpretar indícios
    (2) Saber relativizar ( ) Saber levar em conta múltiplas possibilidades
    (3) Adotar espírito de pesquisa ( ) dispor de regras comuns e compartilhadas
    (4) sustentar uma direção ( ) Construção coletiva
    (5) coordenar meios e fins

    A ordem correta da coluna da direita, de cima para baixo é?
    a)1,2,3,5 b)2,3,4,1 c) 2,3,5,4 d) 3,1,2,4 e) 3,2,4,1
    Eles colocaram com resposta certa a letra (e),mas fiquei em dúvida em relação a (B)

    21- A respeito da construção do currículo, considere a afirmação abaixo:
    É preciso construir um currículo que reflita o nível de incerteza presente na vida, no qual é impossível se obter sempre uma única resposta válida e verdadeira para os múltiplos problemas que surgem em uma realidade na qual se interrelacionam múltiplas e diferentes variáveis e dimensões.
    Essa afirmação refere-se
    a) à diversidade dos alunos
    b) ao ensino para a complexidade
    c) à formação docente
    d) aos temas geradores
    e) à escolha metodológica.
    eles deram com correta a letra (B), mas a (A) não se encaixaria também??

    • Fernada de Jesus diz:

      também colega, fiquei em dúvida nessas duas questões, professor Omar,gostari de saber dessas duas questões:

      Numere a coluna da direita de acordo com a coluna da esquerda, associando as categorias elencadas por Macedo(2005) às suas implicações na realização de um projeto curricular em uma perspectiva construtivista.
      (1) Trabalhar em equipe ( ) Saber interpretar indícios
      (2) Saber relativizar ( ) Saber levar em conta múltiplas possibilidades
      (3) Adotar espírito de pesquisa ( ) dispor de regras comuns e compartilhadas
      (4) sustentar uma direção ( ) Construção coletiva
      (5) coordenar meios e fins

      A ordem correta da coluna da direita, de cima para baixo é?
      a)1,2,3,5 b)2,3,4,1 c) 2,3,5,4 d) 3,1,2,4 e) 3,2,4,1
      Eles colocaram com resposta certa a letra (e),mas fiquei em dúvida em relação a (B)

      21- A respeito da construção do currículo, considere a afirmação abaixo:
      É preciso construir um currículo que reflita o nível de incerteza presente na vida, no qual é impossível se obter sempre uma única resposta válida e verdadeira para os múltiplos problemas que surgem em uma realidade na qual se interrelacionam múltiplas e diferentes variáveis e dimensões.
      Essa afirmação refere-se
      a) à diversidade dos alunos
      b) ao ensino para a complexidade
      c) à formação docente
      d) aos temas geradores
      e) à escolha metodológica.
      eles deram com correta a letra (B), mas a (A) não se encaixaria também??

      Professor Omar preciso que tenha recurso,pois fiquei por uma no módulo um

    • Andressa diz:

      Fiz a prova para a area 5.1 e também tive esta questão a respeito do currículo e estava acreditando plenamente que havia acertado, tendo como resposta a letra A. Percebo que todas as pessoas que tenho contato também marcaram como resposta A…

      • Sabri diz:

        Eu marquei a complexidade porque toda bibliografia gira em torno do ensino para a complexidade.

    • daniela diz:

      A 20 desconcertou muita gente pq temos 5 itens e 4 parênteses, mas quem lê Lino de Macedo não teve dificuldades, as obras dele são bem claras.
      a 21 está atrelada ao conceito e função do currículo, que orienta primeiramente o ensino que, por sua vez, também inclui os alunos em sua diversidade.

  13. Micheli Biondo diz:

    RECURSO CONTRA O GABARITO PRELIMINAR DA QUESTÃO 8
    PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA

    A questão de número 8 da prova de Língua Portuguesa apresentou como resposta em seu gabarito oficial preliminar a alternativa E. No entanto, a resposta correta deveria ser B, pois a afirmativa IV diz:

    “O fragmento 4 é uma oração adjetiva explicativa referente ao termo visão (linha 23).”

    No entanto, trata-se de oração adjetiva restritiva, devido à ausência de vírgula antes do pronome relativo “que”:

    O professor repete para o aluno a mesma visão de ensino que teve em sua formação. (linhas 23 e 24)

    Portanto, requeiro alteração no gabarito oficial da prova, atribuindo-se à questão 8 a resposta B.

    • Daniel diz:

      Professor Omar, eu acertei essa questão marcando a letra E. Se sofrer alteração ela é anulada para todos ou apenas muda o gabarito? Nesse caso me faltaria uma questão no módulo 1.

    • MARIELI diz:

      Professor Omar tu achas que podemos recorrer na questão que cita um autor que não estava na bibliografia sugerida pela banca?
      questão 12 – Para__________, a escrita possui duas funções: mnemônica e comunicativa.
      O nome do autor que completa corretamente a lacuna da frase acima é
      a)Vygotsky
      b)Piaget
      c)Luria
      d)Wallon
      e)Ferreiro

      Luria não está na bibliografia sugerida pela banca e é a resposta correta.
      Aguardo teu retorno… ME AJUDE! OBRIGADA

    • MARIELI diz:

      Mais uma questão que fico na dúvida de recorrer, tem mais de uma alternativa correta?

      13- Considerando os estudos de Vygotsky, é correto afirmar que
      a) a aprendizagem está relacionada ao desenvolvimento desde o início da vida humana.
      b) o percurso de desenvolvimento do ser humano é definido pelos processos de maturação do organismo individual.
      c) é a ação motora que possibilita o despertar de processos internos de desenvolvimento.
      d) as funções psicológicas superiores dependem de processos de consciência e de intenção.
      e) o desenvolvimento é um processo espontâneo de maturação, e a aprendizagem acontece na interação entre o indivíduo e o meio.

      A alternativa apontada como correta é A.

  14. Robson Carlos diz:

    Assim professor,concordo com professor Pólux, porém tem gente que entrou por causa desta questão.Não seria melhor tentar a anulação,o que beneficiaria a todos

    • André diz:

      Oi Robson! Concordo contigo, se trocarem o gabarito desta questão que acertei também ficarei por uma, injusto… Se anularem é melhor todos ganham. Abs!!!

  15. catiani diz:

    Eu fiquei por 3 do primeiro módulo e no segundo módulo passei e sobrou pontos, sou da área 5.1 acredito que a questão 16 possa vir a ser anulada, pois a meu ver todas estão corretas, a questão 22 de Legislação, o que era aquela pergunta, totalmente descontextualizada nessa prova, 13 e a número 12 não tinha na bibliografia. Preciso de ajuda como faço. obrigada!

    • MARIELI diz:

      Oi Silvia, também quero entrar com recurso nessa questão 24- No que se refere ao regime jurídico estabelecido pela Lei n 9.394 de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, considere as seguintes assertivas.
      I – A liberdade de aprender e ensinar é um de seus princípios.
      II – O Ministério Público é legitimado a acionar o Poder Público para assegurar o direito à educação
      III – A colaboração nas atividades de articulação da escola com as famílias e com a comunidade é incumbência dos docentes.
      IV – A educação infantil compreende crianças de até três anos de idade, e a pré-escola, crianças de quatro a seis anos de idade.

      quais estão corretas?
      a) Apenas a I e a II
      b) Apenas a II e a III
      c) Apenas a I e a III
      d) Apenas a III e a IV
      e) A I, II, III e IV

      Na LDB ainda não mudou para cinco anos, mas a Educação Infantil compreende creches que são crianças de 0 a 3 anos e as pré-escolas que são crianças de 4 a 6 anos na LDB, cabe recurso porque a educação infantil não compreende apenas crianças de 0 a 3 anos, a educação infantil compreende crianças de 0 a 6 anos segundo a LDB.

      Alguém ajuda a formular esse recurso???????

      Prof Omar tens o e-mail de algum professor que poderia nos ajudar nessa questão? Lembrei da professora Taís Flôres…

      • Lu diz:

        Acredito que não seja cabivel de recurso a questão 24, pois na pergunta está bem claro que é segundo a LDB 20 de dezembro de 96, e de acordo com aquela legislação as alternativas estariam corretas. Minha prof. disse para prestar mt atenção quanto essas questões de nuemro de lei e ano, pois muda a resposta de acordo com a pergunta a que direciona, tanto que se pegar a LDB ainda consta conforme esta resposta.

      • Michelle Zilli Monsú diz:

        Concordo com você Marieli, pois da maneira como está redigida a afirmativa se entende que a educação infantil compreende crianças de até três anos de idade e a pré-escola, crianças de quatro a seis anos, quando na verdade, a CRECHE compreende crianças de até três anos e a pré-escola, crianças de quatro a seis anos. A educação infantil compreende tanto a creche quanto a pré-escola, portanto, compreende crianças de até seis anos de idade, e não crianças de até três anos.

      • Elizandra diz:

        Oi também cai nessa, pois para mim, educação infantil compreende creches e pré escola e na questão dá a entender que se divide em educação infantil (onde deveria estar escrito creche) e pré escola. E quanto a assertativa I- aprender e ensinar é um dos seus princípios. Tudo bem, é um princípio, mas eles induziram ao erro pois o pincípio esta incompleto. O correto é 2.liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar a cultura, o pensamento, a arte e o saber;

  16. Gilmara diz:

    Oi professor! na 44 sobre área1.1 onde fala dos saberes propostos pela unesco é possível que retifiquem ou é mais provável que anulem, isto é, se alterarem o que eu acho difícil, preciso da sua opinião !! grata!!

    • Sabri diz:

      Não tem como retificar porque os quatro primeiros estao corretos, entao teria que anular. Eu acertei essa questao porque muito do que li fala em aprender a aprender, talvez eles foram por isso. E outra no ano passado eu fiquei por duas no especifico, entrei com recursos bem fundamnetados e acredito que eles nem analisaram temos que lembrar que no ano passado eles foram bem intransigentes quanto a anular questoes.

      • Gilmara diz:

        Oi Sabri! Se nada mudar eu consegui a aprovação!mas o meu raciocínio também foi esse, só que se retificarem essa que eu acabei “acertando” com o erro da questão fico por uma nesse módulo, e me parece que não temos mais nem uma possibilidade de recurso no mesmo!!e u também, como vc fiquei por duas na prova passada e mesmo com várias possibilidades de recurso a banca foi irredutível!!

      • daniela diz:

        Oi, eu li o documento da Unesco e a ideia que permeia os 4 pilares é aprender a aprender mesmo. Acho que não anulam essas.

  17. marco antonio cardoso diz:

    _______________________________________________________________________ Questão 06 – Acentuação gráfica. Quanto à assertiva I, a palavra “após” é acentuada pela regra das oxítonas terminadas em “o” seguida de “s”, abertas ou fechadas. O substantivo “mês” é acentuado por ser monossílaba tônica terminada em “e” seguida de “s”. A forma verbal “têm” recebe acento diferencial para identificar a terceira pessoa do plural. Errada a afirmação I. Na assertiva II, as palavras “índices” e “políticas” são acentuadas por serem proparoxítonas. O adjetivo “indefectível” é acentuado por ser palavra proparoxítona terminada em “l”. Errada a assertiva II. Já na afirmação III, a retirada do acento gráfico das palavras “país”, “hábito”, “prática” e “círculo” gerará as formas “pais” (substantivo), “habito”, “pratica” e “circulo” (verbos). Correta a assertiva III. Quanto à assertiva IV, os vocábulos “próprios” e “importância” recebem acento pela regra das paroxítonas terminadas em ditongo crescente. Já a palavra “visíveis” é acentuada por ser paroxítona terminada em “eis”. Apesar de ser paroxítona terminada em ditongo (vi-sí-vEIs), deve-se registrar que o ditongo é decrescente, o que impede de se afirmar que seja acentuada por ser paroxítona terminada em ditongo, já que a regra determina a acentuação das paroxítonas terminadas em ditongo crescente. A afirmação induz o candidato a erro, porque, embora todas sejam acentuadas por serem paroxítonas, “visíveis” é acentuada por ser terminada em “eis”. Embora seja terminada em ditongo, o encontro vocálico é decrescente. Por tais razões, a questão merece ser anulada. RESPOSTA: PREJUDICADA. (Passível de anulação). A Banca deve indicar C.

    • daniela diz:

      Oi, não achei forte o teu argumento pq apenas consta ditongo de forma generalizada, o que é suficiente. Entendi que não houve desejo em especificar os tipos de ditongos e isso nem fez falta.

  18. Adriana diz:

    Olá! Fiz a provo da area 5.1. Mostrei a questao 9 Lingua Portuguesa para algumas profes de Portugues e ambas acreditam q a resposta certa seja a C e não a A como foi divulgado. Alguem pode me ajudar

  19. Editor diz:

    Boa noite, colegas:
    Acabei de retornar e vi que há dezenas de comentários, e-mails e/ou postagens no Facebook.
    1. Só recebi as provas integrais agora à noite. Agradeço muito as queridas colegas Prof. Fabiane e Candida pela gentileza;
    2. Vi que a maioria das postagens diz respeito a itens que já comentei nos comentários das postagens (as questões sobre Perrenoud, Macedo, Hoffmann, Freire etc). Ocorre que nem todos olham os comentários anteriores e repostam ou enviam e-mails. Para organizar nossa confusão criativa, irei comentar questão a questão, fundamentando a partir dos autores e analisando e opinando acerca de possíveis recursos. De antemão digo que acredito em pelo menos um recurso em cada prova (habilitações e 5.1);
    3. Imagino que possa postar amanhã ou mais tardar na sexta todas as análises;
    4. Cada um deve analisar sua prova e suas anotações e entrar com tantos recursos forem necessários. Não há necessidade da chancela de um professor ou blogueiro. Tudo que postar será a título de sugestão.

    Um abraço a todos.

    Prof. Omar Martins

    • Fernada de Jesus diz:

      Professor Omar

      Na questão número 13 está com a ortografia errada em uma das artenativas.

      Piaget definiu————————————— como uma atividade estruturadora sobre os objetos, aos quais trasforma pelos significados que lhe atribui.

      Assinale a artenativa cuja a expressão completa corretamente a lacuna da frase acima.

      a) o desenvolvimento

      b) o conhecimento

      c) a aprendizagem

      d) a assimiliação

      e) a acomodação

      ASSIMILAÇÃO ESTÁ DIGITADA ERRADA, ISTO INDUZ AO ERRO.

      • daniela diz:

        Bah, nem reparei nisso, mas fiquei em dúvida nessa questão pq o conhecimento está subordinado ao desenvolvimento do ser, segundo Piaget. A questão ficou estranha em sua formulação.

      • Leandro Maziero diz:

        Fernanda, entra com recurso, esse erro é grave e torna a questão passível de anulalção sim. Abraço.

    • Fabiane diz:

      DE NADA PROFESSOR, ACHEI QUE ALGUEM JÁ TIVESSE ENVIADO, POR ISSO NÃO ENVIEI ANTES!!! E AFINAL, É EM MEU BENEFÍCIO TAMBÉM, POIS REPROVEI POR UMA QUESTÃO QUE FALTA NO MÓDULO I !!!! ABRAÇOS

  20. Fernanda diz:

    É possível colocar recursos em questões que não cita o autor? Por exemplo:

    21.A respeito da construção do currículo, considere a afirmação abaixo:
    É preciso construir um currículo que reflita o nível de incerteza presente na vida, no qual é impossível se obter sempre uma única resposta válida e verdadeira para mútiplos problemas que surgem em uma realidade na qual se interrelacionam mútiplas e diferentes variáveis e dimensões.
    Essa afirmação refere-se:
    a) à diversidade dos alunos
    b) ao ensino para a complexidade
    c) à formação docente
    d) aos temas geradores
    e) à escolha metodológica

    22.____________ define-se pela maneira de organizar _____________ a partir de uma concepção de ensino na qual os objetos fundamentais de estudo para os alunos sejam o conhecimento e a intervenção na realidade.
    A alternativa cujas palavras ou expressões completam correta e respectivamente as lacunas da frase acima é:
    a) O Enfoque globalizador – conteúdos
    b) O Enfoque globalizador – a prática educativa
    c) O Enfoque globalizador – a didática
    d) A complexidade – conteúdos
    e) A complexidade – a prática educativa

    • Moacir Peters diz:

      Eu nesse caso enviei pedido de revisão por causa das questões 21 e 22 não terem autores em seu anunciado. Como podemos nos basear em alguma linha de pesquisa se não há ninguém citado como autor? Estou na expectativa, quem sabe dá certo.

  21. Luís Carlos diz:

    Se há fundamento, sou a favor da anulação da questão nº 8 de Língua Portuguesa, pois várias pessoas acertaram marcando a alternativa E.

  22. Robson Carlos diz:

    Exige-se de nós professores que sejamos críticos,mas é aplicada a nós uma prova de completar, exigindo-nos decoreba,ou seja,voltamos à educação bancária?????

    • Fabiane diz:

      FALOU E DISSE!!! ATÉ PARECE!!!! COBRAM DE NÓS A AVALIAÇÃO DOS ALUNOS E OLHA O QUE FAZEM!!!! SEGUNDO FULANO DE TAL…. MARQUE O QUE PENSA, AFES!!!!! POR EXEMPLO A QUESTÃO 19, NA VISÃO DA DIDÁTICA AS TRÊS ESTARIAM CERTA, MAS …. ESTOU CADA VEZ MAIS DECEPCIONADA!!!! ´POR UMA QUESTÃO!!! ISTO É UM SINAL, EXISTEM COISAS MELHORES! #DESABAFO

    • Vinicius diz:

      Ótimo comentário, como eu disse acima, até meu peixe pode copiar um parágrafo e apagar algumas palavra colocando lacunas. Precisamos de pessoas inteligentes para fazerem provas inteligentes, que tenham um poder real de seletividade e não por um simples acaso de marcar a resposta correta. Este é o primeiro passo para melhorar a educação, enquanto continuarem selecionando professores com provas assim nada vai mudar.

  23. Claudia diz:

    Bom dia! Eu fiz a prova para 4.2 e a questão 13. Piaget definiu…
    Piaget não estava no Edital, certo? posso recorrer? E como posso fazer esse texto para ficar bem fundamentado?
    Obrigada
    Claudia

  24. Grazi diz:

    Eu consegui 21 no módulo I e 22 no módulo II, fiz para matemática. Achei a prova deste ano bem mais confusa do que a do ano passado, visto que haviam múltiplas interpretações em cada uma das questões. A minha dúvida é: Quando deve sair a lista com o nome das pessoas que conseguiram o número de acertos necessários? Somente após os recursos? Quanto tempo depois? Alguém sabe me dizer?

    • Elis diz:

      Vc pode verificar a quantidade mínima de acertos em cada módulo que é necessária para aprovação no Anexo 8, no site da Educação.

  25. Cristina diz:

    Olá,, estou mandando recurso na questão 24 de conhecimentos pedagógicos..5.1 (anos iniciais) IV – A educação infantil compreende crianças de até três anos de idade, e a pré-escola, crianças de quatro a seis anos de idade”
    Art. 30. A educação infantil será oferecida em:

    I – creches, ou entidades equivalentes, para crianças de até três anos de idade;
    II – pré-escolas, para as crianças de 4 (quatro) a 6 (seis) anos de idade.”  

    Sendo assim, a redação colocada na questão 24, romano IV, ocasiona problemas na semântica do texto, induzindo o candidato a pensar que a educação infantil é composta por crianças de zero a três anos de idade e que a pré-escola não faz parte da educação infantil.
    O uso da “e a pré escola ” entre vírgulas, dá entender que está separando uma da outra..como se educação infantil fosse uma coisa e pré escola outra.
    Acho sim..cabível de recurso. qual sua opinião prof?

  26. vanusa diz:

    Olá…
    Já chorei, me revoltei, e chorei de novo! Não passei por 4 questões na 2ª parte. Sou do módulo linguagens e tecnologias-1.2. inglês e estou desolada com o resultado, pois tinha certeza que tinha passado. Hoje, mais calma, analisei as questões algumas achei um tanto confusas sim, mas ainda é difícil para mim estudá-las a fundo pois ainda estou muito triste com o resultado. Se alguém acha que há alguma chance de reverter esse quadro, por favor avise nesse e-mail, porque eu sinceramente não sei mais no que acreditar, tenho um bebezinho pra cuidar e ainda me dispus a levantar todos os dias às 05 h pra estudar, pra morrer na praia, Poxa! 50% DA PROVA SERIA JUSTO com a nossa categoria que não tem tempo pra quase nada dentro e fora de sala de aula. Fica a todos boa sorte!

  27. Daniel diz:

    Fiz para Educação Física, passei no limite no módulo 1. Porém, com esse recurso para a alteração do gabarito da questão 8, caio fora da lista de aprovados. Torço para o recurso não ser aceito ou que a questão seja anulada e seja positiva para todos.

  28. Nati diz:

    Como que a questão 24 da prova 5.1 (anos iniciais) é letra E? A acertativa IV da prova nos diz que a pré-escola compreende crianças de quatro a seis anos de idade. O correto é quatro a cinco anos de idade. II – pré-escolas, para as crianças de 4 (quatro) a 5 (cinco) anos de idade.” (NR) isso é o q diz a lei. Então como todas estariam corretas?

  29. Felipe diz:

    Olá professor Omar, não sei se poderás me ajudar, já que minha questão é relativa à habilitação 1.8 Educação Física na seção “Conhecimento da Área”.

    49. O ensino de Educação Física no Ensino Médio NÃO visa a garantir aos educandos
    a) o acúmulo cultural, no que tange a oportunidade de vivência das práticas corporais.
    b) as orientações para vivência no mundo do trabalho, pois pode levar o educando à compreensão de formas de competitividade.
    c) a iniciativa pessoal nas articulações coletivas relativas às práticas corporais comunitárias.
    d) a iniciativa pessoal para criar, planejar ou buscar orientação para suas próprias práticas corporais.
    e) a intervenção política sobre as iniciativas públicas de esporte, de lazer e de organização da comunidade nas manifestações, na vivência e na produção de cultura.

    O gabarito preliminar considera como correta a questão B, porém isso não é algo que a Educação Física NÃO visa a garantir aos educandos. “E agora José?” hehe

  30. Thiago diz:

    Boa tarde colegas!
    Fiz a prova para a habilitação 1.8 – Educação Física. Me encontro da mesma forma decepcionado com a formatação da prova, elaborada num estilo draconiano, privilegiando “decorebas” com suas questões de completar em detrimento à reflexão.

    Na prova, aprovei no módulo 1 mas fiquei por duas questões no módulo 2. Entretanto, penso que duas devem ser anuladas:

    Questão 44: Todos sabemos que os saberes propostos pela UNESCO são 4, e não 1. Questão mal elaborada, omitiu um “NÃO” ou um “EXCETO”.

    Questão 59: Duas alternativas incorretas. Letra B, conforme gabarito.; e letra D, porque em nenhum momento Marcellino (que teve seu nome com grafia errada na prova!) usa a expressão “vivência no tempo disponível ” em seu livro.

    Boa sorte a todos!

  31. Mônica Isoton diz:

    Olá, Professor. Fiz cursinho EAD com o Garra, muito bom, me ajudou bastante, inclusive atingi media no modulo 1. Prestei a prova para Biologia. No modulo da área não atingi média, as questões estavam confusas e tinha conteúdo que nunca presencie na faculdade. Tu tens conhecimento da prova, será que é possível anularem alguma questão? Eu posso enviar caso seja necessário. Desde já agradeço! Abraço.

    • Editor diz:

      Boa tarde, Mônica:
      Tudo bem?
      Sim, pode me enviar…
      Mas acredito que só poderei ajudar nas questões generalistas acerca de conteúdos associados a parte pedagógica.

      Um abraço.

      Prof. Omar Martins

    • LISSANDRA ROGGIA MACHADO diz:

      Oi Monica, também fiz para biologia, fiquei por duas questões. Pensei em recorrer na 37-(a hipotese do genenótipo economica),51- (ação da aspirina), e na 46 (acho que essa bibliografia não foi solicitada no edital – Moraes, Ramos e Galiazzi(In: Moraes e Mancuso-org – Educação em Ciencias:produção de curriculos e formação de professores.) .
      que tu acha?????

      • cecilia diz:

        Vc recorreu a da aspirina, perdi o prazo mas ela ta super errada. Fiquei por 1, me diz se entrou, vamos recorrer?

  32. estela maria delai farias diz:

    Meu nome é Estela,( Área 4)

    A questão de nº 16 está mal formulada e deve ser anulada. A resposta dada como certa(B), não preenche corretamente as lacunas, formando uma frase que é um “contrasenso” em relação ao pensamento do referido autor. A mesma é reproduzida aqui, na íntegra:

    16 Para Freire(2000), a educação é uma forma de intervenção no mundo. Essa intervenção implica, além de conteúdos ensinados e aprendidos, o esforço de reprodução
    da ideologia dominante quanto ao seu desmascaramento.

    * Deve-se entender:A educação( ou o educador) deve reproduzir a ideologia dominante, no que tange o seu desmascaramento?

    No mínimo, está faltando a palavra “tanto”, antes da palavra esforço. E neste caso, ao invés de “ao”, antes de seu, deve-se apenas usar o artigo “o”!

  33. estela maria delai farias diz:

    Vinícios, quanto a questão de nº 16, sobre Freire, você está esperto.Vamos entrar com recurso! Pois, segundo Freire, ou bem a educação reproduz a ideologia dominante, ou
    bem a desmascara ( o que o nosso autor recomendaria, é claro).De modo que a alternativa B soa totalmente absurda como resposata à questão!

  34. estela maria delai farias diz:

    Vinícios, quanto a questão de nº 16, sobre Freire, você está esperto.Vamos entrar com recurso! Pois, segundo Freire, ou bem a educação reproduz a ideologia dominante, ou
    bem a desmascara ( o que o nosso autor recomendaria, é claro).De modo que a alternativa B soa totalmente absurda como resposta à questão!

  35. Laura diz:

    E a questão 18, cabe recuso? não esta ligada a visão de nenhum autor, então “a partir do olhar sensível” de quem? Busquei respostas para isso e não encontrei, além de entender que o item III, extensão de tempo não se aplica, pois na nova LDB, a extensão de tempo não é contemplado na avaliação e sim outros aspectos.

    • Mariane Fernandes diz:

      Laura!
      Também considero não a extensão de tempo como algo que interfere no processo avaliativo. Principalmente sobre um olhar sensível, quando o professor dá maior tempo para o aluno realizar as atividades, não o limitando no tempo. Nesta questão a banca não solicitou um olhar de um autor e sim de uma compreensão geral, dando margem a muitas interpretações.

      Para mim a resposta correta seria C

      • Laura diz:

        Na 18, será que ao colocarem : ” a partir do olhar sensível”, não faltou o autor, já que a sensibilidade vai de cada um. E diante desse “olhar sensível”, a extensão do tempo não pode de forma alguma intervir no processo avaliativo, pois cada aluno tem seu tempo de aprendizado e no “novo” modelo do Ensino Médio ou LDB, o que é levado em consideração e a formação continua e qualitativa do aluno e não mais a extensão de tempo. Exemplo disso é a progressão. O que vocês acham?

  36. Micheli Biondo diz:

    Professor posso fazer um pedido, para os candidatos começarem a se organizar, já que o professor Pólux fez o recurso para a questão nº 8, divulga isso na primeira página do seu blog, muita gente pergunta sobre como fazer este recurso….é mais fácil de visualizar.

    ATENÇÃO!!!
    O Prof. Pólux acaba de postar proposta de recurso para a questão 8 (habilitações) de Língua Portuguesa. Vejam em:
    http://agoraead.wordpress.com/2013/05/22/magisterio-rs-2013-proposta-de-recurso-questao-8-lingua-portuguesa-habilitacoes-prof-polux-martins/ .

  37. Aline diz:

    Pessoal das áreas, se liguem na questão 13 de conhecimentos pedagógicos.
    A alternativa D está escrito ASSIMILIAÇÂO em vez de ASSIMILAÇÃO

  38. Rafael Bemfica diz:

    Olá pessoal. Gostaria muito que em seus recursos da questão número 8 de língua portuguesa de habilitações, vocês pedissem a anulação da questão, pois se trocarem o gabarito eu não perco a questão, e como fiz o número mínimo de acertos do módulo 1 irei reprovar. No outro concurso já rodei por 1 questão em Ling. Port., e não gostaria que isso ocorresse novamente. Portanto peçam para que esta questão seja ANULADA em seus recursos!Se pedirem anulação, todos saem beneficiados, os que já haviam acertado, e os que não acertaram.

    • Mariane Fernandes diz:

      Bom dia!
      Professor Omar gostaria de saber se o senhor já analisou as questões de conhecimentos pedagógicos das áreas de Linguagens, Natureza, Matemática e Humanas, ambas são as mesmas?

      Preciso de dois recursos nesta prova, pois fiquei por uma e estão para trocar a resposta de uma que acertei em português.

      Penso que cabe recuro na 18, pois não limita o raciocínio a um autor deixando livre o pensamento a um olhar sensível, e para mim um olhar sensível é dar mais tempo ao aluno para ser avaliado. Pelo menos é isso que a SEDUC nos diz a cada formação com essas mudanças no E. Médio.

      Também penso que cabe recurso na 21. As alternativas A e B estão corretas e referindo – se ao texto. Também nesta questão a banca não limita o raciocínio a algum autor o que deixa o candidato livre para sua interpretação.

      Nas outras que errei não sei como pensar pois são questões de complete a frase, e sei que nestes casos ou se completa com a palavra certa ou se erra, Também a citação de autores. São elas 13, 14, 16, 19, 22, 24 e 25.

  39. Jussara diz:

    Bom dia!
    Sou da Educação Física, não passei no módulo I e também no II, faltou 3 questões em cada. Teria questões que pudesse enviar recurso?

  40. Márcia Johne Vogelç diz:

    Olá professor Omar! Gostaria de saber se cabe recurso na questão nº 18 de conhecimentos pedagógicos, 1.1 língua Portuguesa. Fiquei por 2 questões e também peço anulação das questões e não outra resposta. Gostaria de receber o recurso sobre nº 13, 16 e 18, todas de conhecimentos pedagógicos. Aguardo respostas. abraços.

  41. Andréia Paida diz:

    Professor na analise das questões sobre conhecimentos pedagógicos, no módulo I – 5.1 Anos Inicias do Ensino Fundamental, a questão 12 está como correta, porém realmente não consta no Edital, então o caso dela é igual a 22?

    2 – CONHECIMENTOS PEDAGÓGICOS
    Bibliografia:
    ALARCÃO, Isabel. Professores reflexivos em uma escola reflexiva. São Paulo: Cortez, 2003.
    CARVALHO, Rosita Edler. Educação Inclusiva: com os “pingos nos is”. Porto Alegre, Mediação, 2004, Capítulo 10.
    CASTORINA, J.A. et alii. Piaget e Vigostsky – novas contribuições para o debate. São Paulo: Ed. Atica, 2001.
    FAZENDA, I. C. A. Integração e interdisciplinaridade no ensino brasileiro: efetividade ou
    ideologia? São Paulo: Loyola, 1979.
    ________. Práticas Interdisciplinares na Escola. 2ª Edição, São Paulo: Cortez, 1993.
    ________. Interdisciplinaridade: História, teoria e pesquisa. Campinas, SP. Papirus,1994.
    ________. A virtude da força nas práticas interdisciplinares. Campinas, SP. Papirus,1999.
    FREIRE, PAULO. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa, RJ: Paz e Terra, 2000.
    FREITAS, Luiz Carlos de. Ciclos, Seriação e Avaliação: Confrontos de Lógicas, SP, Moderna, 2003.
    GONÇALVES, Luiz Alberto Oliveira & SILVA, Petronilha Beatriz Gonçalves. O jogo das
    diferenças: o multiculturalismo e seu contextos. Belo Horizonte; Autêntica, 3ª Ed., 2001 HADJI, C. Avaliação desmistificada. Porto Alegre: Artmed, 2001.
    HOFFMANN, Jussara. O jogo do contrário em avaliação. Porto Alegre: Mediação, 2005.
    KAHHALE, Edna M.P. A diversidade da psicologia : uma construção teórica. São Paulo:Cortez, 2002
    LIBÂNEO, José Carlos. Organização e Gestão da Escola – Teoria e Prática. Editora Alternativa. 5 edição. Goiânia. 2004.
    LOURO, Guacira Lopes (org). Corpo, Gênero e Sexualidade: um debate contemporâneo na Educação, Petrópolis RJ: Vozes, 2003.
    MACEDO, LINO. Ensaios Pedagógicos: Como Construir uma Escola Para Todos, Porto Alegre, Artmed, 2005.
    MORIN, E. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Rio de Janeiro: Bertrand, 1999.
    MUNANGA, Kabengele e GOMES, Nilma Lino. Para entender o negro no Brasil: Histórias,
    realidades, problemas e Caminhos. São Paulo: Global Editora e Ação Educativa, 2004.
    OLIVEIRA, Zilma. O desenvolvimento da motricidade, linguagem e cognição. Educação Infantil: Fundamentos e Métodos. Ed. Cortez, 2002.
    PERRENOUD, Phillipe. Dez novas competências para ensinar: convite à viagem. Porto Alegre: Artmed, 2000.
    SACRISTÁN J.GIMENO, Compreender e Transformar o Ensino, 4ª Ed. Artmed, Porto Alegre, 2000.
    SANTOS, Milton. Técnica, espaço, tempo: globalização e meio técnico-científico informacional. São Paulo: Hucitec, 1997.
    VASCONCELLOS, Celso S. Vasconcellos. Planejamento – Avaliação da aprendizagem: Práxis de mudança – Por uma práxis transformadora, São Paulo: Libertad, 2003.
    VYGOTSKY, L.S. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2001.
    VYGOSTSKY, L. S. Construção Social da Mente. São Paulo: Martins Fontes, 2002.
    WEISZ,Telma. O diálogo entre o ensino e a aprendizagem. São Paulo, Ática 2000.
    ZABALA, Antoni, Enfoque Globalizador e Pensamento Complexo – Uma proposta para o
    currículo escolar, Artmed 2002.
    ZABALA, A. A prática educativa- como ensinar. Porto Alegre, Artmed, 1998.

    Cadê o Luria?

    • Patricia diz:

      Professor Ommar, nos dê uma dica: podemos entrar com recurso da questão 12 pois o autor Luria não constava na bibliografia do edital? Desde já obrigada!

  42. fernanda dutra diz:

    Nao acredito ! então é possível que nenhuma questão seja anulada? eu preciso de apenas 1 questão no MóduloI, fiz 14 acertos e no II, fiz 34 acertos(
    }prova 5.1)…………………SOCORRO!

  43. Paula Felice diz:

    Caro Prof. Omar e demais Colegas,
    Não sei se por desatenção minha, mas não encontrei nenhum comentário à questão nº 23 (legislação)- Habilitação 5.1- séries iniciais, cuja resposta considerada correta é a letra “a”-exoneração. Contudo, a letra “b”- advertência, tbm pode ser considerada correta
    Gostaria de saber da opinião de vocês, pois, para mim, cabe recurso:
    Transcrevo parte o CAPÍTULO V, do Estatuto do Funcionalismo Público
    Das Penalidades
    Art. 187 – São penas disciplinares:
    I – repreensão;
    II – suspensão e multa;
    III – demissão;
    IV – cassação de disponibilidade;
    V – cassação de aposentadoria.

    § 1º – Na aplicação das penas disciplinares, serão consideradas a natureza e a gravidade da infração e os danos delas resultantes para o serviço público, as circunstâncias agravantes ou atenuantes e os antecedentes funcionais.

    § 2º – Quando se tratar de falta funcional que, por sua natureza e reduzida gravidade, não demande aplicação das penas previstas neste artigo, será o servidor advertido particular e verbalmente.
    Leiam com atenção o parágrafo 2º e me digam se ADVERTÊNCIA pode ser considerada penalidade. Penso q não. Todavia, antes de interpor recurso, gostaria de uma segunda opinião
    Por favor, caso alguém já tenha postado sobre a questão, me indiquem.
    Abraço,

    • Bianca Vicente diz:

      Paula Felice, irei entrar contra essa questão, mas requisitando a anulação da questão pq o no anexo 10 do presente edital traz o programa e a bibliografia exigida para o a realização do concurso, entretanto a presente questão tratou de LEGISLAÇÂO não requisitada pelo edital que convocou e estipulou a bibliografia do concurso.
      A questão versou sobre a Lei Complementar nº 10.098, de 03 de fevereiro de 1994. Que dispõe sobre o estatuto e regime jurídico único dos servidores públicos civis do Estado do Rio Grande do Sul, em seu capitulo V, sobre as penalidades. Artigo 187, incisos I, II, III. IV e V. Foi-nos exigido apenas que lêssemos a Lei nº 6.672 de 22 de abril de 1974. Entra em contato vamos conversar sobre isso!

      • Paula Felice diz:

        Olá, Bianca. Se me permites a opinião, acho que o argumento pra anulação da questão não deve ser esse.pois o art. 126, da Lei 6.672, remete ao Estatuto do Funcionário Público no q tange as penalidades. Abraço

  44. KEITI GISELE PEREIRA diz:

    Boa Noite !
    Fiz minha prova na habilitação 4.3- sociologia se alguém tiver alguma questão para recurso me fale. Por favor.

    Alguém pode me mandar um modelo de recurso ???

    Desde já agradeço a atenção.

  45. Isa diz:

    Ola gostaria de saber se no modulo II, área 1, habilitação 1.1 existe alguma questão passível de recurso (em especial as questões 37, 39, 40, 41, 44, 47, 48, 53, 54, 55, 56, 58) ?

  46. Ana diz:

    olá, sou da área de artes visuais e gostaria de saber se tem alguma questão da 40 a 60 que possa entrar com recursos estou apavorada por favor ajudem!!

  47. James Lunardi diz:

    Olá…
    eu fiz a prova 4.2 geografia e acertei 19 no módulo I e 18 no módulo II, ou seja, me faltam 2 questões para o módulo I.
    Por favor se alguém tiver informações sobre questões já solucionadas para recorrer.

    • moa diz:

      pois certo eliana, para quem faltou uma ou duas no modulo com mais um acerto chega lá, quantas mais anularem mais chance de obter exito

  48. moa diz:

    a questão 24 da 5.1 na lei 9394/96 no item IV- A EDUCAÇÃO INFANTIL COMPREENDE CRIANÇAS DE ATÉ 3 ANOS DE IDADE, E A PRE ESCOLA, CRIANÇAS DE 4 A 6 ANOS DE IDADE. A lei diz, com a obrigatoriedade da criança com 6 anos estar matriculada no 1º ano de ensino fundamental. portanto a resposta do FDRH é a letra E na verdade não seria. portanto nem uma alternativa contempla está questão. vamos anullar a prova toda, quem saiba eu passe

  49. Jordana Dos Santos diz:

    Reprovei no módulo 1 , por duas questões .No concurso passado fiquei por uma .gostaria de entrar com recurso ,pois acho injusto.

  50. LISSANDRA ROGGIA MACHADO diz:

    Ola pessoa!!!
    Gostaria de saber se para a área 3- Ci~encias da Natureza e sua Tecnologias tem questões passiveis para recursos.
    Fiquei em dúvidas nas questões 51 que fala das ações terapeuticas da aspirina, considerando como resposta a e que cita como efeito preventivo o câncer.
    A 37 será que não seria passivel de anulação . A hipotese do genotipo economica.

  51. Fani diz:

    Oi! Eu preciso de 3 questões no módulo 2 na área da Matemática (2.1). Acredito que a 59, entraria. A nº 48 no gabarito é b, mas poderia ser d, o único problema é que eles colocaram que as questões 47, 48 e 49 é de acordo com os PCN’s, então, creio que não poderei entrar com recurso. Me ajudem!

  52. REGINA DOS SANTOS MAGALHAES diz:

    Caro professor, reprovei por uma questão no módulo II/5.7 Matérias Pedagógicas, o senhor pensa que possa haver alguma questão a ser anulada?

  53. Carla M. diz:

    Professor estou muito preocupada com está situação que nos coloca o governo,estamos sem credibilidade nenhuma sendo que muitos do professores que realizaram a prova estão em salas de aula, isso é uma falha de não priorizar aqueles que lutam pela educação com questões confusas,sem autores mencionados ausências de indicações de fonte…fica aqui meu desabafo…pois passei no concurso de 2005 e por razões sabe-se lá fui parar no banco e assisti a crise da FALTA de 10 mil professor em todo estado.Agora estou passando esta barreira de provas absurdas…o que vale é minha pratica em sala e a formação de meus alunos.

  54. Isa diz:

    Socorro!! Será que foi só eu que ficou no modulo II da área Linguagens Português e Literatura? Preciso de 2 questões neste modulo, será que é possível anulação de alguma? Por favor respondam-me. E não deixem de entar com os recursos pois certamente o governo esta contando com o desânimo de todos Boa sorte a todos!

  55. leticia diz:

    aiii gente acertei 14 em uma e 26 na outra,concordo com voces,mas não tenho ideia de como se pede revisão dessas questões,se alguem souber me avisem,tambem sou da 5.1

  56. leticia diz:

    5.1—- a questão (parece que 24 de uma das provas de Legislação), que menciona ser entre quatro e seis anos a idade p/pré-escola cabe recurso, pois a LDB sofreu alterações e em uma de suas resoluções – cobrada no edital – a idade limite é de 5 anos.

  57. Vanessa diz:

    Professor Omar e demais preciso saber se há alguma chance de ser anulado alguma questão do modulo 2 da área 5 ,habilitação 5.1.-Anos iniciais.Por favor me ajudem !!!

  58. Pilar Sidi diz:

    Boa noite professor Omar, fiz o concurso da SEDUC pela primeira vez, falatarm quarto questões na primeira parte (portug~es conhecimentos pedagógicos e legislação), acha que é possível quatro questões do mesmo ódulo serem anuladas? Fiz para sociologia, e no segundo módulo acertei 80 % da prova. To bem desesperada, aguardo resposta. Abçs.

  59. Yasmine diz:

    Olá. Eu fiz a prova 1.7.1 de Artes Visuais (Linguagens e suas tecnologias). Eu passei na parte 1, mas faltaram 3 na parte 2, então recorri e consegui que anulassem 2, agora faltou uma, será que este prazo que deram para recorrer de novo é só para recorrer quanto às notas ou ainda é possível anular alguma questão, pois eu tenho referências para anular estas questões. Detalhe: O gabarito 1 está diferente do gabarito 2 e estas questões que foram modificadas não foram anuladas, será que devo entrar com recurso quanto a isso também? É correto divulgarem a lista de aprovados antes mesmo de nós termos terminado de recorrer? Na minha área 143 pessoas se inscreveram e apenas 25 passaram, sendo assim, não seria o caso de cancelar o concurso? Pois menos da metade passou.

  60. everaldo kukrey silveira diz:

    olá professor ,gostaria que você analisasse a questão numero 22 do modulo I da habilitação 5.6.4.No texto”A criança,o aprendizado e a socialização na antropologia”(In:SILVA,20020,Clarice Conh discute algumas questões.Analise as abaixo citadas.
    I-O universo infantil não significa uma experiência parcial do mundo,onde os conhecimentos são menos completos
    II-Os processos de educação e aprendizagem das diferentes sociedades não são modelos universais.
    III- A criança não depende somente dos adultos para aprender.
    Quais afirmações estão corretas?
    a)Apenas a I.
    b)Apenas a II.
    c)Apenas a III.
    d)Apenas a I e a II.
    e)A I, a II e a II.
    o gabarito trás a opção E como resposta correta ,professor para mim a questão está errada ,pois ela esta mal formulada ,com erro de digitação e gera duvidas ao responder ,porque a mesma opção(E)repete a letra B duas vezes,agora que me dei por conta deste erro .oque eu faço sabendo que a mesma deveria ser anulada na minha opinião pelo fdrh.Para mim faltou uma questão no modulo I.sobre este erro estou certo ou errado em relação a resposta.qual seria sua opinião.aguardo seu comentário .desde agradeço.

  61. Rita Pereira Corrêa diz:

    Olá professor, estou feliz e triste ao mesmo tempo porque li a lista do resultado do concurso ontem e vi que fui aprovada, mas não entreguei a prova de títulos, porque eu tinha a informação que seria aprovada somente quem tivesse aproveitamento de 60% nos módulos I e II, com esta informação pensei que estava reprovada, pois acertei 13 questões no I módulo e 29 no II, e agora o que eu faço? concluo minha graduação em novembro, era obrigatório eu entregar essa prova de títulos? Se sim posso entregar em outra data? Será que vou perder esse direito conquistado?

O espaço de comentários do Blog do Prof. Omar Martins será moderado. Não serão aceitas mensagens: • que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal; • que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia; • que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas; • que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica; de cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie; • que caracterizem prática de spam; • anônimas ou assinadas com e-mail falso; • fora do contexto da matéria; • exclusivamente em caixa alta; • com mais de dois mil caracteres.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s